Aguarde, carregando...

NOSSO BLOG

Artigo sobre Seguro para Uber: o que você precisa saber
Seguro para Uber: o que você precisa saber

      Desde 2014 presente no Brasil, a Uber revolucionou o transporte particular no país. Afinal, além de ter tornado essa modalidade mais acessível a muitas pessoas, também serviu de caminho para muitos como uma fonte de renda. Porém, quem começa a dirigir com o aplicativo muitas vezes fica na dúvida em relação ao seguro auto Uber, já que a empresa exige que seja contratada pelo menos uma cobertura básica para proteger os passageiros.

       Uma das dúvidas mais comuns entre os motoristas é sobre a existência de seguro específico para Uber. A resposta é sim. Desde que o aplicativo se instalou-se no Brasil, criou-se um novo nicho de mercado. Dessa forma, as seguradoras passaram a aceitar o seguro auto Uber, sendo que a principal questão é o enquadramento como uso comercial. Isto é, o veículo é utilizado como instrumento de trabalho.

       A cobertura exigida pelo aplicativo se refere ao Acidente Pessoais para Passageiros, conhecido como Seguro APP, já que é uma importante proteção para os passageiros que utilizam Uber.  Por isso, ele acaba sendo o seguro mais escolhido pelos motoristas. Sua cobertura mínima é de R$ 50 mil por pessoa, e irá cobrir ou indenizar em caso de despesas médicas, invalidez total ou parcial e casos que possam ocorrer mortes.

      Mas, apesar de não ser obrigatório, é de extrema importância que o motorista da Uber faça um seguro com cobertura compreensiva. Essa modalidade cobre roubo, furto e colisões com perda total ou parcial e também a Responsabilidade Civil Facultativa de Veículos (RCF), tradicionalmente conhecida como seguro de terceiros, caso haja batidas em outros carros.

      Ao definir o seguro que será contratado é preciso considerar que, ao começar essa atividade, o veículo estará mais exposto a risco. Afinal de contas, ele passará mais tempo nas ruas. Sendo assim, ficará mais vulnerável à colisões, roubos e furtos, e estar amparado pelo seguro auto Uber irá diminuir os prejuízos financeiros em casos de sinistro. Por isso, mesmo não sendo obrigatório, é indicado que contratar um seguro que vá além do APP, para garantir mais tranquilidade para quem dirige.

      Além disso, ainda é preciso considerar que o veículo é uma ferramenta de trabalho e qualquer coisa que acontecer a ele pode parar ou interromper as atividades. Contar com o auxílio de uma seguradora diminuirá o prejuízo a quase zero, dando maior segurança ao motorista.

      Caso o motorista já possuía um seguro auto antes de se cadastrar no aplicativo, é necessário verificar se a seguradora aceita o enquadramento como Uber. Caso ela não tenha este tipo de aceitação, será necessário cancelar o seguro e fazer com outra empresa que aceite essa modalidade. Já se a seguradora atual trabalhar com seguro para Uber, será necessário realizar um endosso. Para realiza-lo o endosso (saiba mais aqui), basta comunicar a corretora. Assim, apesar da alteração no valor do seguro, o motorista estará protegido.

Newsletter

Receba dicas de como anter ou escolher um bom carro

Imagem de subir a pagina